O QUE DÓI.

Não me dói mais te ver por aí, sabe. Tudo bem te encontrar, te prestigiar, conversar contigo. Tudo bem.

Eu não sei lidar é com essa tua ausência na minha vida. É isso que ainda corta aqui dentro. O espaço que fica quando eu chego, você vai, e um abismo enorme divide nossos mundos que lutaram tanto para ser um só.

É isso que dói.

Natália Vicentini
Natália Vicentini
De mim e dos outros

Blumenauense, formada em Jornalismo e finalizando curso de Direito; usa as palavras quando transborda e não se cabe mais por dentro. Se não escrever, surta. Tenta ser uma pessoa cada vez melhor - nem sempre consegue -, mas, ainda assim, possui "aquela estranha mania de ter FÉ na VIDA". Compartilha suas ideias malucas e seus amores inacabados na página "De mim e dos Outros".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *