Vai passar, prometo!

Amiga, vem cá. Vai sarar. Vai passar. Prometo. Mas antes de sarar vai doer muito. Vai doer como quando passa acetona naquele cantinho machucado do dedo, sabe?

Não… quem dera! Vai doer muito mais. Vai rasgar, vai te levar lá para longe, para o fundo, vai te fazer perder a FÉ no ser humano, vai te deixar trancada no quarto uns três dias seguidos, vai te engordar uns 2kg, vai te deixar pra baixo, amiga, eu sei.

Você vai me telefonar pra dizer que “foi a última vez que bebeu desse jeito” e que “não quer mais ver esse garoto nem pintado de ouro”, eu sei. E vai desabar de novo, porque tu é sentimental e as coisas não estão dando muito certo para o teu lado.

Mas olha só: RESPIRA. Eu te conheço, guria. Eu sei que tu vai voltar. Aquela fé enorme em dias melhores e cheios de amor e sorrisos vai aparecer! Sério. Confia em mim.

Vai ter muita coragem nesse peito, muita força de vontade nesse corpo, muita luz nesse coração, ô se vai…

Tô te falando, amiga!

Natália Vicentini
Natália Vicentini
De mim e dos outros

Blumenauense, formada em Jornalismo e finalizando curso de Direito; usa as palavras quando transborda e não se cabe mais por dentro. Se não escrever, surta. Tenta ser uma pessoa cada vez melhor - nem sempre consegue -, mas, ainda assim, possui "aquela estranha mania de ter FÉ na VIDA". Compartilha suas ideias malucas e seus amores inacabados na página "De mim e dos Outros".

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *